Ir para conteúdo

Feira de artesanato do Boa Vista tem de touca para pets a produtos para a casa

Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista

  • Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista
  • Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista
  • Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista
  • Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista
  • Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista
  • Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista
  • Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista
  • Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista
  • Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista
  • Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista
  • Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista
  • Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista
  • Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista
  • Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista
  • Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista
  • Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista
  • Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista
  • Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista
  • Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista
  • Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista
  • Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista
  • Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista
  • Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista
  • Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista
  • Feira de artesanato na Rua da Cidadania da Boa vista
  • Feira de artesanato



Todas as semanas, sempre às terças e quartas, a Rua da Cidadania do Boa Vista se transforma em um local com oferta de diversos produtos confeccionados por artesãs.

Durante esses dias, 19 mulheres se revezam na oferta de pães caseiros, doces, bolachas, amigurumis (bichinhos feitos de tricô e crochê), tapetes para banheiro e cozinha, aventais temáticos, canecas personalizadas, costura criativa, patchwork, bijuterias, anéis e brincos de madeira, pintura de animais em pedras de rio e muitos outros artigos.

A Feira do Artesanato da Rua da Cidadania do Boa Vista foi implantada em 2017 e aos poucos se converteu em um exemplo de economia criativa. De acordo com a administradora da regional, Janaína Lopes Gehr, a proposta foi abrir oportunidades para as artesãs que moram no bairro e assim movimentar a economia do local.

“Começamos montando as barracas uma vez por semana e com o passar do tempo, devido ao crescimento da demanda, abrimos mais um dia de feira. Agora estamos fazendo um esforço para retomar a movimentação do período antes da pandemia, recolocando a feira como um dos sustentáculos da economia local”, disse a administradora regional.

Toucas para pets

Percorrer as barraquinhas é um deleite para os olhos, dada a diversidade de cores e a qualidade dos produtos expostos. 
A barraca de Terezinha Punderich, por exemplo, é um dos pontos de parada obrigatório para quem procura um produto inusitado: as toucas para proteger pets no inverno.

“Fiz para cachorros, mas teve uma cliente que colocou em uma coelhinha e deu muito certo também”, contou. O sucesso do produto é tanto que ela quase nunca tem toucas para expor.

Terezinha, que confecciona também panos de prato com barrado de tecido estampado e toucas de lã para adultos e crianças, disse que não foi difícil fazer o adereço para aquecer os bichos e deixá-los mais fofos. “Não tive dificuldade nenhuma e o produto é muito procurado. Sempre recebo encomendas”, comemorou.

Na barraca da artesã Nalu Bim Martinez Boing, um dos produtos de maior destaque é o conjunto de aventais para cozinha para mães e filhas, grande pedida para preparar aquela refeição especial em família.

Mas as clientes também procuram bastante a touca para tirar o frizz dos cabelos. “É uma ideia que veio da Europa e eu resolvi confeccionar. A procura é muito boa”, explicou.

Produtos temáticos

Em datas comemorativas, como Dia das Mães, Natal, Páscoa, a feira trabalha em um esquema especial, com funcionamento por um período de até dez dias de forma consecutiva.

As artesãs produzem material especial para marcar essas datas, oferecendo ao público uma grande variedade de produtos temáticos. A artesã Mara Lúcia Lima Kleina, que realiza trabalho de pintura de rostos humanos e de animais em pedras de rio, disse que gosta muito de produzir nesses períodos. 

“No começo eu pintava joaninhas em pedras para floriculturas. Quando vim para a feira a proposta cresceu e passei a fazer coisas maiores e investir em festas temáticas também. A resposta do público é muito boa”, explicou Mara.


Anéis de madeira e moeda

Além de ofertar produtos que já caíram no gosto do público, as artesãs estão inovando constantemente. Lucilene Pereira dos Santos, que com o marido confecciona anéis e brincos de madeira, agora também passou a ofertar bijuterias feitas de moeda, principalmente anéis. Eu um vistoso mostruário, as peças se destacam pelo brilho e beleza.

“Nós trabalhamos com material reciclado. Uma tábua que venha da demolição de uma casa nós transformamos em anéis e brincos. Agora tem este trabalho com as moedas que está tendo boa aceitação também”, explicou Lucilene.

Serviço: Feira de Artesanato do Boa Vista

Datas e horários: todas as terças e quartas, das 10h às 17h
Local: Rua da Cidadania do Boa Vista

Quer compartilhar?