Ir para conteúdo

Feiras de artesanato são
alternativa de trabalho e renda

feiratrabalhorenda

  • feiratrabalhorenda
  • feiratrabalhorenda
  • feiratrabalhorenda
  • feiratrabalhorenda
  • feiratrabalhorenda
  • feiratrabalhorenda

As Feiras de Arte e Artesanato, de Antigüidades e as Feiras Especiais de Páscoa, Primavera e de Natal, administradas pela Prefeitura de Curitiba nos bairros e no centro da cidade, são alternativa de trabalho e renda para cerca de 1.650 famílias. As feiras também são atrativos turísticos de Curitiba. A maior feira da cidade, a do Largo da Ordem, com mais de mil expositores, recebe cerca de 18 mil visitantes nas manhãs de domingo.

"As feiras de Curitiba são reconhecidas em todo Brasil, especialmente por oferecer produtos com qualidade e originalidade. Estão incluídas no roteiro dos turistas que visitam a cidade e oferecidas por operadoras de viagens que vendem Curitiba como destino, como uma das atrações de lazer da cidade", afirma o presidente do Instituto Municipal de Turismo, Luiz de Carvalho.

As Feiras Especiais montadas em datas festivas e comemorativas nas praças Osório, Generoso Marques e Tiradentes contribuem também para atrair turistas e visitantes para a área central da cidade. Nas feiras especiais, cerca de 300 produtores ocupam 150 vagas, com 57 barracas na Osório, 80 na Tiradentes e 15 na Generoso Marques para atender milhares de visitantes em busca de presentes e novidades. "São nas feiras especiais que outros artesãos têm nova oportunidade para trabalho, com possibilidade de ganhar renda extra em períodos diferentes do ano", afirma Carvalho.

Além de gerar trabalho, complementar a renda familiar e contribuir para a movimentação do turismo, as feiras são também responsáveis pela integração social e o incentivo à cultura. Entre os produtos vendidos estão objetos e alimentos feitos de forma artesanal, que levam a tradição e os costumes das mais diferentes etnias.

A feira de Antigüidades, que funciona aos sábados na praça da Espanha, oferece aos visitantes produtos de antiquários, objetos restaurados e para colecionadores. No local ocorre também uma exposição de veículos, mantida pelo encontro de donos de carros antigos que acontece no segundo sábado de cada mês. São encontrados modelos raros e especiais, como os exemplares dos clubes do Puma e do Galaxie, além de calhambeques MP-Laffers.

Quer compartilhar?