Ir para conteúdo

Linha Turismo vai funcionar nos quatro dias do feriadão

Curitiba recebe nos dias de Carnaval muitos visitantes que preferem fugir da agitação das praias ou outros locais com maior concentração de pessoas. O roteiro percorrido pela Linha Turismo é uma ótima opção para quem quer conhecer as atrações da capital.

A Jardineira de amplas janelas passa por 25 pontos da cidade, percorrendo 40 quilômetros, em duas horas e meia. O serviço funciona das 9 às 17h30, com partida a cada meia hora. O valor do tíquete é R$ 15,00 e dá direito a um embarque e quatro reembarques. A pessoa pode escolher o ponto turístico que quer conhecer melhor e embarcar depois em outra Jardineira para concluir o trajeto.

A Linha Turismo passa pela Praça Tiradentes, Rua das Flores, Rua 24 Horas, Centro de Convenções, Museu Ferroviário, Teatro Paiol, Jardim Botânico, Estação Rodoferroviária, Teatro Guaíra/Universidade Federal do Paraná, Passeio Pública/Memorial Árabe, Centro Cívico, Museu Oscar Niemayer, Bosque do Papa/Memorial Polonês e o Bosque Alemão.

Segue, ainda, pela Universidade Livre do Meio Ambiente, Parque São Lourenço, Ópera de Arame/Pedreira Paulo Leminski, Parque Tanguá, Parque Tingüi, Memorial Ucraniano, Portal Italiano, Santa Felicidade, Parque Barigüi, Torre Panorâmica da Brasil Telecom e o Setor Histórico.

Outra opção para visitação nos dias de Carnaval é a Torre Panorâmica da Brasil Telecom, que fica no bairro Mercês. Das 10 às 19 horas, o turista pode aproveitar para ver Curitiba de uma altura de 109,5 metros - equivalente a 40 andares. O ingresso custa R$ 3,00 para adultos. Crianças de 4 a 9 anos e idosos acima de 60, pagam apenas R$ 1,50.

A Rua 24 Horas também está no roteiro de visitas de quem vem a Curitiba ou para os curitibanos que não viajam durante o feriado. Na rua que não dorme as pessoas encontram 34 lojas, com opções de lanches, caixa automático de banco, revistaria e floricultura. A Rua 24 Horas tem entradas pelas ruas Visconde de Nácar e Visconde do Rio Branco, entre a Vicente Machado e Emiliano Perneta.

Quer compartilhar?