Ir para conteúdo

Novas barracas deixam ainda mais charmosa a Feira do Largo da Ordem em Curitiba

Feirinha da Ordem

  • Feirinha da Ordem
  • Feirinha da Ordem
  • Feirinha da Ordem
  • Feirinha da Ordem
  • Feirinha da Ordem
  • Feirinha da Ordem
  • Feirinha da Ordem
  • Feirinha da Ordem
  • Feirinha da Ordem
  • Feirinha da Ordem

A Feira do Largo da Ordem, uma das maiores e mais tradicional do país, localizada no Centro Histórico de Curitiba, recebeu neste domingo (21/1) mais um lote de 200 novas barracas, seguindo o modelo de design inovador desenvolvido pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (IPPUC). As novas barracas visam valorizar os produtos e oferecer mais conforto e segurança para artesãos e seus clientes.

Além do novo visual, a mudança confere uma nova dinâmica à feira, que além de ser querida pelos curitibanos, é um importante ponto turístico da cidade. 
 

A implementação das novas barracas acontece em etapas para facilitar a adaptação dos artesãos e servirá para o melhor gerenciamento do sistema de montagem, desmontagem, transporte e manutenção das barracas, visto que o serviço passou a ser de responsabilidade da Prefeitura, através do Instituto Municipal de Turismo.

 A iniciativa acompanha o processo de modernização da Feira que em 2020 ganhou versão digital no Portal da Feira do Largo, além de todo o sistema de licenciamento e gerenciamento de participação serem realizados através do site Curitiba Criativa.

Momento de transição

As novas barracas estão sendo implantadas paulatinamente, com programação para que todas as 800 unidades que compõem a feira sejam substituídas  até o final de  março, quando está prevista a entrega da última barraca licitada.De acordo com apresidente do Instituto Municipal de Turismo, Tatiana Turra, é um trabalho que está sendo feito em etapas para melhor adaptação dos artesãos.

 
"O momento é de transição dentro de uma importante transformação que estamos promovendo na dinâmica da feira, liberando os artesãos das obrigações ligadas à montagem das barracas e permitindo que se concentrem exclusivamente em suas criações",  destaca Tatiana.


Trechos contemplados 

Os trechos da feira contemplados com o segundo lote das novas barracas foram nas ruas São Francisco, Mateus Leme, Largo da Ordem e Dr. Claudino dos Santos. Na primeira etapa foram substituídas as barracas no trecho da Rua Dr. Muricy, onde ficam os artesãos das feiras de bairros e que fazem rodízio na Feirinha do Largo aos domingos.

Nova estrutura

A nova barraca possui sistema retrátil de montagem e desmontagem, com armação em aço galvanizado, aparadores em madeira certificada e conta com lonas em laminado de PVC flexível colorido, reforçado com tecido de poliéster de alta tenacidade, na cobertura e nas laterais. As medidas são de 4m² de área útil (2mx2m), com a cobertura de 2x3 para abrigar do sol e da chuva. Com o novo desenho proposto, a entrada dos feirantes é pela parte de trás da barraca.

Vantagens do novo modelo

A feira ganha um novo visual com a implantação das novas barracas, com design inovador, projetado para realçar a estética dos produtos, oferecendo proteção contra as intempéries. 
A cobertura avançada, posicionada a um metro de distância da cabeça do artesão, preserva os itens expostos, e proporciona conforto ao cliente durante as compras. Artesãos e clientes ficam protegidos do sol e da chuva. Além disso, os artesãos têm a flexibilidade de realizar adaptações internas no novo modelo.

Quer compartilhar?