Ir para conteúdo

Prefeitura oferece acesso sem fio e gratuito à internet na Rodoviária

Cerca de 62 mil pessoas deverão embarcar para...

  • Rodoviária 2
  • Rodoviária 1
  • Rodoviária 2

Usuários da Rodoviária de Curitiba passam a contar, a partir de agora, com acesso gratuito à internet. O wi-fi gratuito foi lançado na manhã desta sexta-feira (20) pelo prefeito Gustavo Fruet, que anunciou a implantação, nos próximos meses, do serviço também em mais 50 escolas municipais. Atualmente, o wi-fi está disponível em 90 escolas do município, além do Parque Barigui, Jardim Botânico, Praça da Espanha, Mercado Municipal, Largo da Ordem e nas Ruas da Cidadania do Boqueirão, Portão, Pinheirinho, Santa Felicidade, Matriz e Boa Vista. 

“Curitiba está retomando a governança em tecnologia e informação para que possamos levar os benefícios da tecnologia a toda a população, a começar pela abertura dos dados e informações para todo tipo de aplicativo, e ampliação da transparência, levando à população todas as informações da administração municipal”, disse ele. 

O wi-fi gratuito da Rodoviária faz parte das comemorações de aniversário da cidade, que completará 322 anos no próximo dia 29, e está disponível em toda a área coberta do espaço, com suporte técnico para atendimento ao usuário 24 horas por dia, sete dias por semana. 

Para usar a rede "Rodoviária - CTBA", basta fazer um breve cadastro no primeiro acesso, quando o usuário recebe uma senha. Usuários da empresa de telefonia Oi que já tenham cadastro podem usar sua própria senha, uma vez que a companhia é a responsável pela implantação do serviço.

“Esse é mais um serviço que estamos disponibilizando para a população, dentro de um projeto amplo de tecnologia e informação. Estamos investindo na informação, na transparência total. Queremos que o cidadão saiba a origem dos recursos públicos e onde eles são investidos”, afirmou o prefeito. 

“É importante que as pessoas saibam o custo dos equipamentos e serviços e saibam a origem dos recursos para isso”, afirmou, citando como exemplo o fato de que a cidade tem nove unidades de pronto atendimento que custam, no mínimo, R$ 1,5 milhão por mês cada uma. A manutenção de uma creche custa em torno de R$ 2 milhões, lembrou. 

O presidente da Urbs, Roberto Gregório da Silva Junior, disse que a intenção de ampliar o serviço wi-fi para os terminais e outros equipamentos públicos faz parte do esforço da Prefeitura na modernização e inovação na cidade. “O número de celulares ativos é praticamente o mesmo da população, então temos que trabalhar nesse sentido, informar e facilitar a vida do cidadão. Estamos cuidando da Curitiba de hoje, com um olhar para o futuro”, afirmou.

Para os terminais do transporte público, a Prefeitura estuda atualmente formas de viabilizar o acesso em parceria com a iniciativa privada.

Aprovação

Pessoas que passavam pela Rodoviária no momento do lançamento do serviço de wi-fi grátis aprovaram a iniciativa. Em viagem de passeio por Curitiba, as paulistas Gleidis Bonfim Carvalho e Silvia Bonfim gostaram da novidade e imediatamente fizeram o cadastro para garantir acesso. “É um serviço que tem que ter mesmo, é muito bom e necessário. É uma linda cidade, cada vez mais moderna”, disse Gleidis que também gostou de saber que encontra na internet todas as informações sobre a própria Rodoviária.

“Isso é importante para quem está em viagem. A cidade está de parabéns mesmo”, disse Silvia ao saber que se tratava de uma comemoração pelo aniversário de Curitiba.

Semida Silveira, coordenadora de uma delegação da Suécia que se encontra em Curitiba dentro do projeto de parcerias com universidades e institutos de pesquisa para soluções de eletromobilidade, fez questão de acompanhar a cerimônia de lançamento do wi-fi na Rodoviária. “Toda iniciativa que envolva parceria, pesquisa, tecnologia é extremamente importante. A viagem a Curitiba foi muito positiva e estamos encerrando nossa estada participando de um evento importante para a cidade”, afirmou.

Melhorias

O acesso à internet é mais um item da série de melhorias na Rodoviária. Uma ampla reforma, entregue em junho do ano passado, garantiu acessibilidade com escadas rolantes, elevadores, nova sinalização, iluminação e nova disposição dos espaços. 

Entre os diferenciais da nova Rodoviária estão o controle eletrônico do acesso às salas de embarque, com total segurança para o passageiro e mais agilidade no embarque; o novo acesso para os ônibus em via exclusiva pela Rua Dario Lopes dos Santos; e a implantação de oito plataformas exclusivas para desembarque. No ano passado, o usuário passou a contar com carrinhos para transporte de bagagem.

A Rodoviária de Curitiba é quase uma pequena cidade por onde passam, por dia, em torno de 30 mil pessoas, aí incluídos passageiros, acompanhantes, funcionários e usuários de serviços da Urbs.

Fonte: Site Prefeitura de Curitiba

Quer compartilhar?